quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Parte 2 - Love a Criminal ♥

Karen: Obrigada! - eu sorri e peguei minha bolsa - Vamos? - olhei pro Chaz.


Chaz: Tá, vamos! - ele sorriu e entrelaçou nossos braços.

Karen: Onde vamos mesmo? - eu disse com uma cara estranha, kkkk'

Chaz: Almoçar, ué!

Karen: Eu perguntei, onde, e não, o quê.

Chaz: No restaurante aqui perto, onde mais seria?

Karen: Então tá! - continuamos andando, chegamos no restaurante, entramos e eu escolhi um lugar perto da janela, fizemos nosso pedido e depois ficamos conversando - Eu to animada...

Chaz: Animada pra viver longe de mim? - ele disse com uma cara triste.

Karen: aaaaah' Chaz! Não fica assim. Eu vou voltar, eu acho. - eu disse sorrindo pra ele e depois disse confusa olhando pro lado.

Chaz: Eu te amo, você não entende. - ele colocou a mão no meu rosto.

Karen: Eu entendo sim... eu também te amo, meu amor. - eu disse e dei um selinho nele.

Chaz: Se você me amasse, não ia me largar aqui. - ele disse ainda triste.

Karen: Chaz, eu só vou pra Geórgia á trabalho. - eu disse fazendo ele entender tudo.

Chaz: Mas vai viver lá, e sem mim. Com certeza você vai achar uma pessoa melhor do que eu...

Karen: Chaz, para de dizer essas bobagens, ninguém nunca será melhor do que você, tá? - eu disse acariciando o rosto dele.

Chaz: Aham! Sei. - ele disse ironicamente, tava de onda com a minha cara.

Karen: Ai Senhor! O que eu faço com esse homem? - eu disse olhando pro teto.

Chaz: Karen... você não pode me deixar. - ele colocou a mão em cima da mesa.

Karen: Mas eu preciso, Chaz! - coloquei minha mão na dele.

Chaz: Okay! Eu vou ficar aqui, sozinho, sem ninguém, na miséria, sem o amor da minha vida. Isso é justo comigo, senhor? Porque logo comigo? - ele disse olhando pro teto.

Karen: Para de drama... se eu resolver ficar lá, eu te dou notícias, tá? - eu disse e ele assentiu, logo o garçom chegou com a nossa comida. Comemos quietos, só trocando olhares, Chaz estava mesmo triste, como ele pode ficar tão triste? Eu só vou á uma viagem de negócios, não exatamente... eu vou construir meu ateliê lá. MAS EU NÃO VOU MORAR LÁ! É difícil pra ele? Terminamos nossa comida e fomos embora, ele me levou pro Prédio, eu subi e ele disse que já estava subindo, entrei no apartamento e me joguei no sofá, alguns minutos depois ele entrou. - ooooi! - eu sorri.

Chaz: Ooi! - ele disse fechando a porta - Cansada? - ele disse se sentando do meu lado.

Karen: Até que não... eu fiz pouca coisa hoje, to relax! - eu disse e ele riu com minha gíria.

Chaz: Então tá, não quer fazer nada?

Karen: Sei lá! O que você quer fazer?

Chaz: - ele ligou a TV e disse -  Pode ser?

Karen: Pode! - eu me ajeitei no sofá e ele colocou a cabeça no meu colo, ficamos vendo TV e as vezes dávamos umas bitoquinhas, então eu desliguei a Tv e começamos a nos beijar. Chaz me beijava em um ritmo impressionante, não é a primeira vez, mas ele sempre faz isso, e isso é impressionante! O beijo estava ficando cada vez mais quente, Chaz esfregava as mãos no meu bumbum, ele foi se levantando e continuando com tudo aquilo, então ele foi passando as mãos nas minhas costas por de baixo da minha blusa, então ele chegou com as mãos no feicho do meu sutiã, ele abriu e eu deixei, então ele tirou a camisa e continuou me beijando, sentir aquele tórax era maravilhoso, sempre foi maravilhoso... mas ele foi esquentando as coisas, foi tirando minha blusa, então dei um block nele, pra parar. - Não Chaz! Aqui não. - eu disse decepcionada com ele.

Chaz: Então vamos pro quarto! - ele disse com um olhar pervertido.

Karen: Chaz, eu não quero fazer sexo com você, hoje.

Chaz: aaah' tá, quer dizer que você vai querer só depois de me deixar aqui? - ele disse com uma cara triste.

Karen: Não Chaz, eu só não quero isso agora... - eu disse colocando meu sutiã.

Chaz: Uhum! Não quer agora e não vai querer mais. - ele disse colocando a camisa. - Fala pra mim, qual foi a última vez que fizemos sexo? - ele disse encarando o nada, sinistro!

Karen: Um mês  atrás? - eu disse com cara de medo, da reação dele.

Chaz: É isso aí! Nem parece que você é minha namorada mais...

Karen: Olha aqui Chaz, eu estou namorando com você, porque eu te amo, e não por causa de sexo. - eu disse indignada.

Chaz: Okay! Entendi. - ele disse e saiu.

Karen: Onde você vai?

Chaz: - ele olhou pra mim - Vou procurar alguém que queria fazer isso comigo... - ele disse andando.

Karen: HEEEY! VOCÊ BEBEU? - eu disse brava.

Chaz: Olha Karen, eu não aguento mais.

Karen: Tá bom, quer ficar com qualquer uma que passa pela sua frente, vai! - eu disse totalmente com raiva e sai dali, vi ele saindo. AAAAAAARGH!

Continua!  Divulgando: http://inovelascombieber.blogspot.com/
 Como prometido. ^^ Espero que tenham gostado!

Um comentário:

  1. Amei... Vixe i clima ta pesado, ele é cara de pau né?! Fala que vai procurar outra na lata haha Nessa viagem ela vai conhecer o Jus10? Aaaah' continua, ta perfeita. Bjokas

    By: AndressaS2

    ResponderExcluir

O que achou? Comente! Faz bem pro coração da escritora, e também não vai quebrar seu lindo dedo, né?